quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

CARNAVAL REGADO A BEBIDA, MORTES, DROGAS, PRISÕES E MENORES COM COMA ALCOÓLICO.

O Carnaval foi lindo, muita festa, abadas, bandas shows e muita alegria, porém depois da festa ficou o resultado na cidade.
Muitos menores deram entradas em hospitais e Prontos Socorros da Região Metropolitana com coma alcoólico e intoxicação por uso de drogas, a prefeitura de Marituba se fez de omissa esse ano a esses e outros casos, exercendo a famosa vista grossa.
Mortes também foram registradas alem de brigas e muita confusão.
Alguns moradores reclamaram que foi quase impossível brincar o carnaval tradicional devido ao grande número de Carretinhas na rua e também ao alto índice de criminalidade nesse período.
“Houve muita briga, confusão, o carnaval de Marituba perdeu sua essência e virou algo muito comercial” relatou Dona Estela Soares, moradora do C. Nova Marituba.
A prefeitura ainda teve de se indispor com comerciantes do Centro, devido a uma obra mal feita e inacabada que teve como intuito alargar uma via para a passagem dos trios e blocos, o problema é que a obra foi feita em um período chuvoso e sem um projeto próprio, fora que ficou inacabada deixando muita lama e confusão no já tumultuado centro de Marituba, o “Donos” do Carnaval da cidade devem rever seus conceitos de folia para 2012 a fim de trazer para a cidade um carnaval em que a diversão, a brincadeira e a “CULTURA” sejam os principais focos e não as mortes, drogas, bebida, pedofilia entre outros aspectos negativos que viraram noticia em todo o Pará.

AVALIAÇÃO

2 comentários:

  1. Como não fazer vista grossa se a secretaria de saúde Luanha é a primeira a consumir drogas (maconha entre outras), deve inclusive se beneficiar de alguma forma com isto.

    ResponderExcluir
  2. Mais uma vez o municipio é usado para que esta quadrilha que está no poder se promova e desta forma continue enganando a população, obras inacabadas, mal feitas servem de pano de fundo para a safadeza do BC ladrão sua sobrinha maconheira e o restante da quadrilha. Vamos expulsar estes pilantras do nosso municipio.

    ResponderExcluir